sábado, 9 de janeiro de 2021

2004 - Jazz Ballads 16 - Charlie Parker



Artista: Charlie Parker 

Álbum: Jazz Ballads Vol.16

Lançamento: 2004 

Selo: Membran Music

Gênero: Jazz, Bebop, Big Bang

Charlie Parker, apelidado de ‘Yardbird’, encurtado para ‘Bird’, no início teve uma carreira medíocre, mas acabou sendo um dos criadores do jazz bebop na década de 1940. Ele tocou com Dizzy Gillespie e Miles Davis, o tempo todo fazendo sua marca como um inventor de melodias e improvisador criativo. Altamente influente e elogiado por músicos companheiros, Parker teve uma breve carreira devido à sua turbulenta vida pessoal e dependência de álcool e heroína. Na década de 40, em Los Angeles, tocou com a big band de Jay McShan com a qual fez suas primeiras gravações comerciais, depois com a de Earl Hines e de Billy Eckstine. Teve uma crise nervosa, agravada por vícios e ficou por seis meses internado em um sanatório. De volta a Nova York formou um quinteto que gravou muitas de suas peças mais famosas. Parker fez uma série de gravações com vários grupos que anunciavam a chegada do bop ou bebop. Sua destreza sem precedentes sobre o saxofone alto trouxe um som totalmente novo para a música. Um virtuoso com som marcante e rigoroso controle, ele era um improvisador brilhante em uma combinação de complexa organização de tom e ritmo, com uma variedade de dispositivos melódicos, mas sempre mantendo uma linha clara e coerente. Facilmente o músico de jazz mais influente de sua geração, Parker sofreu de uma dependência crônica de drogas, e sua morte precoce contribuiu para fazer dele uma lenda trágica.

Boa Audição - Namastê

Nenhum comentário: